09/12/2020

 

Resenha: Amoras

Título: Amoras
Autor: Emicida
Ilustração: Aldo Fabrini
Editora Companhia das Letrinhas
Páginas: 44

Amoras é o livro mais doce que li esse ano, e ouso dizer na vida. É um livro infantil que prova que as palavras mais simples colocadas nos lugares certos, são capazes de transformar o significado de tudo. Emicida traz a lógica do pensamento infantil de maneira fascinante e no final você entende como é importante plantar o orgulho de ser quem somos. 

Em um passeio, o pai fala com sua filha se referindo ao pé de amoras: 

"As pretinhas são o melhor que há 
Amoras
penduradas a brilhar, quanto mais escuras, mais doces.
Pode acreditar" 

Depois dessa fala, os olhos da pequena brilham e só a pureza de uma criança poderia deixar as próximas palavras poderosas: 

"Papai, que bom, porque eu sou pretinha também"

Foi essa literatura que faltou na minha infância e atrasou o meu orgulho de ser a menina da pele preta. O repertório de referências é muito importante para crianças que estão começando suas vidas e estão entrando na fase da curiosidade, aprendendo a ler e a entender o mundo ao seu redor. Nomes como Martin Luther King e Zumbi dos Palmares aparecem na história, referências pretas que só conheci de fato depois que comecei a pesquisar sobre o movimento negro e toda nossa história. 

No final da leitura também tem um glossário explicando todas as referências, mais um detalhe que pode ser muito importante, caso você leia para uma criança. 

E mesmo tendo mais de 20 anos agora, eu me sinto grata por ainda ter a oportunidade de ler algo assim. Todo dia eu tento me encontrar um pouco mais, encontrar minhas raízes e esse tipo de literatura faz acordar a pureza que a gente ainda guarda mesmo não sendo mais criança. Emicida fez brilhar o orgulho da minha trajetória, o orgulho de ter sido uma criança pretinha e doce. 

Bruna Domingos
Instagram: @brunadominngos


Leia literatura preta para as crianças!

9 comentários:

  1. Amei a resenha. Estou com muita vontade de ler esse livro, pois senti a mesma coisa quando li Sulwe da Lupita Nyong'o.
    beijos
    https://www.dearlytay.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Wooon que livro mais amor! Amei a base do livro e principalmente por que ele é infantil, com certeza é o tipo de livro que ensina muito mais do que lições de morais de fábulas.
    Beijo, Blog Apenas Leite e Pimenta ♥

    ResponderExcluir
  3. Gente! Que livro mais amor. ♥ Eu já tinha escutado uma amiga falar dele e lembrei que posso presentear a minha afilhada com ele, quando ela for um pouco mais velha. (Ela não tem nem um ano hahaha). Acho tão importante essas histórias. E mesmo não sendo mais criança, quero muito ler, porque a gente sempre aprende coisas valiosas. Emicida arrasou! :)

    Beijos, Carol
    www.pequenajornalista.com

    ResponderExcluir
  4. Oi, Bruna. Como vai? Adoro livros infantis, embora eu seja adulto. Este aí parece-me conter muitos ensinamentos, inclusive para gente grande. Que bom que curtiu a leitura. Ótima resenha. Abraço!


    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  5. Olá, Bruna.
    Já vou repassar a dica para minha amiga ler para a filha dela. Ela está bem nessa fase e com certeza o livro será muito bem vindo. E vou ler também hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  6. Eu nunca vi o Emicida dar uma bola fora. Como este homem é maravilhoso! :)
    E eu super entendo esse lance de "queria ter lido esse livro na infância". Sinto exatamente a mesma coisa.

    Amei a resenha!

    Um beijo,
    Fernanda Rodrigues | contato@algumasobservacoes.com
    Algumas Observações
    Projeto Escrita Criativa

    ResponderExcluir
  7. Oi Bru, tudo bem?
    Não sabia o tema do livro, mas fiquei encantada pelos trechos selecionados e pela resenha. Imagino o quão tocante deva ser ver esse livro publicado e ganhando espaço. Títulos como esse precisam ser mais divulgados, as crianças negras precisam se ver representadas. Livros assim deveriam ser distribuídos nas escolas!
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  8. Oi Bruna,
    Eu já tinha visto o livro nas redes sociais e sabia que seria inspirador e necessário.
    É uma ótima dica de presente de Natal, nossas crianças merecem esse presente!
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir