22/11/2020

 

10 obras audiovisuais e literárias protagonizadas por pessoas negras

O dia da Consciência Negra é comemorado no dia 20 de novembro, e entre vídeos, comoções pela internet e debate sobre a importância do tema, uma questão muito interessante foi levantada em várias redes sociais, inclusive na nossa: quantas obras protagonizadas e feitas por pessoas negras você consome?

Caso ainda não siga o blog nas redes sociais, estamos como @blogleiapop em todas elas.  E foi lá que abrimos espaço para a discussão do quanto as pessoas tem consumido obras audiovisuais e literárias produzidas, escritas e protagonizadas por pessoas negras.

Filmes como Pantera Negra são lançados e o público se sente eufórico, uma parte acha que finalmente a representação está chegando, mas de acordo com uma pesquisa levantada pela Universidade da Califórnia (UCLA) em Los Angeles, negros representam 27,6% de protagonismo em filmes lançados nos Estados Unidos no ano passado.

Entrando, na literatura quantos autores negros de gêneros diversos você leu esse ano? 

Você já parou para pensar sobre as histórias que consome? O que elas contam para você? De que forma elas apresentam o mundo, cultura e as pessoas para você? 

As histórias que consumimos, as pessoas que convivemos e o que aprendemos com elas nos formam e nos ensinam. Como você tem usado isso? Quantos autores e produções audiovisuais feitos por pessoas pretas você tem consumido?

Para te ajudar um pouco, eu trouxe uma lista com 10 indicações de produções audiovisuais e literárias negras para você começar.


1- Corra

Corra ganhou em 2018 o Oscar de Melhor Roteiro Original, sendo Jordan Peele o primeiro negro a receber a premiação nessa categoria. Nessa história conhecemos Chris, um jovem negro fotógrafo que concorda em ir para a propriedade rural da sua namorada branca conhecer a família dela aparentemente muito amigáveis, mas ele pode não estar preparado para os terrores que o aguardam.
Disponível no Telecine


2 - Raio Negro


A série que trouxe a família afro-americana de super heróis da DC Comics para a televisão está entre nós. Jefferson Pierce se aposentou de sua personalidade de super-herói Raio Negro há nove anos depois de ver os efeitos devastadores que essa escolha teve sobre sua família. Quando uma gangue chamada Os 100 surge e ameaça a segurança da sua família e da sua comunidade, aumentando o crime e a corrupção, ele deve tomar a decisão de surgir das cinzas. Ao mesmo tempo, suas filhas começam a descobrir estranhos poderes.
Disponível na netflix


3 - A Vida e a História de Madam C.J. Walker


Essa minisérie conta a jornada de Charles Joseph Walker, a primeira mulher negra milionária da história dos Estados Unidos que construiu sua própria fortuna ao desenvolver uma linha de produtos para cabelos afro. Contada com inspiração e sensibilidade como filha de escravos ela teve que superar preconceitos e abusos e se tornou uma ativista conhecida por levantar fundos para várias instituições que beneficiam pessoas negras. Já falamos sobre a série e a realidade nesse texto.
Disponível na netflix.


4 - Cara Gente Branca

Com a quarta e última temporada chegando em breve, Cara Gente Branca é um sucesso. Misturando temas pesados e humor, acompanhamos a história de um grupo de estudantes negros que vão para uma universidade americana de elite e enfrentam o racismo estrutural do lugar. 
Disponível na netflix.


5 - He Even Has Your Eyes


Quando um casal negro decide adotar um bebe branco, a vida de Paul e Sali se transforma completamente. O casal está feliz em finalmente ter seu filho, mas não é a mesma ideia da assistente social e nem da sociedade e eles precisam lutar por amor e para serem aceitos. Essa comédia francesa tem roteiro e direção do Lucien Jean-Baptiste, o ator que interpreta Paul. Já falamos sobre esse filme no blog, confira aqui.
Disponível na netflix.

6 - O Ódio que Você Semeia

O livro de estreia de Angie Thomas, conta a história de Starr Carter, uma menina negra que aprendeu cedo como se comportar quando for abordada pela polícia, um treinamento que seus pais sempre ensinaram e que ela esperava que seu amigo Khalil também soubesse. Não é o que acontece. Eles são abordados pela polícia e Khalil é morto.

É a partir daí que Starr é forçada a testemunhar sobre o caso e ela descobre que precisa usar sua voz e lutar para honrar seu amigo e pelo seu direito. Tem resenha do livro aqui.


7 - A Poeta X

A Poeta X é uma leitura emocional e impactante, Xiomara se tornou adolescente e seu corpo ganhou curvas e formas, ela é obrigada a escutar comentários abusivos todos os dias. Sua mãe é muito religiosa e a obrigar seguir a risca tudo que ela acredita, mas Xiomara não tem certeza se consegue manter essa relação com o "Deus" da mãe. 

É um livro sobre família, convenções sociais, religião, raça, um grito de liberdade contado em versos. 

8 - Kindred: Laços de Sangue

A ficção científica cria forma na trama de Octavia Butler. Kindred: Laços de Sangue conta a história de Dana uma mulher que em seu vigésimo sexto aniversário acaba viajando para o passado, no século XIX. Quanto mais tempo passa na pré-Guerra Civil mais ela descobre que sua vida pode acabar muito cedo.




9 - Vozes Negras

Vozes Negras é um livro de contos escrito por mulheres negras sobre representatividade negra. Abordando vários temas como racismo, amor, drama, escolhas, liberdade e afrofuturismo com muita representatividade. Tudo isso com vozes nacionais, viu? 

Maria Ferreira, Flor, Priscila, Pétala Souza, Isa Souza e Amanda Condasi se juntam para essas histórias já resenhadas no blog e que você pode ler aqui.


10 - Filhos de Sangue e Osso

Mergulhando na fantasia, o livro de estreia da autora Tomi Adeyemi ficou conhecido como "Pantera Negra com magia" e tem seus direitos adquiridos para o cinema.

A mitologia iorubá é o fio condutor dessa trama que conta a história de Zélie, uma jovem disposta a lutar contra a opressão do seu povo. A autora ganhou uma bolsa para estudar cultura africana na Bahia e foi aonde se inspirou para criar um universo de fantasia onde a magia dos orixás corre o risco de se perder para sempre.

Vocês já assistiram ou leram alguma das obras citadas? Tem alguma para recomendar? Conte para mim nos comentários.


Vanessa de Oliveira
Instagram: @nessagsr

11 comentários:

  1. Oi Vanessa, tudo bem? Eu adorei suas indicações, eu amei Madame CJ Walker e tenho certa agonia com Corra! E preciso ler algo da Octavia logo!


    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  2. Oi, Vanessa. Como vai? Excelente suas indicações. Acrescentaria na sua lista Chimamanda Ngnozi Adchie, mas sua lista está perfeita. Parabéns! Corra está nos meus planos para assistí-lo. Abraço!


    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. Adorei as dicas, já conferi várias e são realmente muito importantes, com ótimas discussões do assunto.
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
  4. Olá, Vanessa.
    Nesse ultimo ano tenho melhorado um pouco nessa questão. Mas realmente tenho poucos autores negros na estante. E infelizmente ainda os atores negros são usados no papel da empregada domestica em quase todos as produções que vemos. Desses citados eu assisti Corra e li O ódio que você semeia e Filhos de Sangue e Osso que amei os dois.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  5. Oii Vanessa, tudo bem?
    Infelizmente tenho pouquíssimos autores negros na minha estante. Adorei suas indicações porque assim já posso anotar os nomes para reverter essa situação. Tenho o livro Hibisco Roxo da Chimamanda Ngnozi Adchie, não sei se já leu, mas eu estou realmente empolgada para lê-lo pois é uma autora que vejo muitas críticas positivias <3 Louca para ler O ódio que você semeia.

    Beijos,
    https://treesdedezembro.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  6. Oi
    eu adoro Raio Negro, pena que a quarta temporada será a última, pelo menos vai ter uma série deriavada dessa, corra estava passando na globo esses dias, assisti só um pedaço.
    O ódio que você semeia é uma ótima leitura, foi uma das melhores que li no ano que ela foi lançada.
    Filhos de Sangue e Osso está na minha lista de desejado, quero muito ler.

    http://momentocrivelli.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. De todos eu só não conhecia o livro A Poeta X.
    Vozes Negras está na minha wish e Kindred no meu kindle, esperando minha leitura, haha.
    He Haven Has Your Eyes eu coloquei na minha lista de filmes para assistir depois que vi a indicação aqui no blog. Outro filme cheio de questionamentos que também é do Jordan Peele é "Nós", eu achei meio confuso, mas depois pesquisei sobre o filme e pensei: "caraca, Jordan Peele é um gênio", haha.
    Beijo, Blog Apenas Leite e Pimenta ♥

    ResponderExcluir
  8. Oi.
    Assisti e li alguns dos livros e gostei muito mas, eu nunca tinha parado para pensar na cor de quem escreve, se eu gosto eu pego para ler e só.
    Amei e é importante pensar por esse lado também.
    Beijos.


    https://www.parafraseandocomvanessa.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi Vanessa, tudo bem?
    Me deu um quentinho no coração ao ver que conheço e consumi vários dos títulos da lista. Mas ainda não é o bastante. Precisamos dar cada vez mais espaço para vozes negras brilharem, é o mínimo que podemos fazer para auxiliar no combate ao racismo. Parabéns pelo post!
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  10. Corra é um filme digno de se ver mais de uma vez! O mistério não me deixou desgrudar da tela. Confesso que não assisti muitos desses da listinha porém aos poucos estou mudando isso, é muito importante darmos espaço e consumirmos produções pretas. A netflix tem aumentado o catálogo e estou amando, recentemente vi A Lição de Moremi e Solteiramente (um clichezinho maravilhoso) são filmes muito bons!
    Beijoss, Blog Seja Agridoce ♥️♥️♥️

    ResponderExcluir
  11. Oi Vanessa,
    O Ódio Que Você Semeia é um dos meus queridinhos. Uma história que merece ser conhecida por toooooodos!!!!!!!!
    Recentemente, eu li Jackpot e acho que você iria gostar!!!
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir