13/09/2020

 

Resenha: Superman - As Quatro Estações

Título: Superman - As Quatro Estações
Roteiro: Jeph Loeb
Ilustrações: Tim Sale    Coloração: Bjarne Hansen
Editora Panini
Páginas: 228


Essa é uma das mais belas histórias que já li sobre o Superman e depois de tantos quadrinhos posso dizer que essa é a melhor história do homem de aço. Nessa edição somos apresentados ao lado humano do herói pelo ponto de vista de quatro personagens através das estações do ano.

Inclusive essa narrativa é a inspiração para série Smallville que contém 10 temporadas e fez parte da infância e adolescência de muitas pessoas. Já citei em outro texto a importância do herói e seu lado humano e nessa história em quadrinhos temos um vislumbre do significado do Superman e sua jornada pessoal para aceitar seu destino.


Começamos a história na Primavera onde Jonathan Kent conta a história do Clark, quando começa a descobrir seus poderes e se questionar sobre seu lugar no mundo. Estamos olhando a história de um pai querendo ajudar seu filho adotivo que é diferente e tem uma missão para cumprir. A preocupação de Jonathan é sobre como a sociedade pode aceitar seu filho se algum dia ele revelar que veio de outro planeta e tem poderes, além disso, ele se preocupa em mostrar para Clark sobre ser um homem bom mesmo que algum dia ele seja rejeitado pelo mundo.


Logo, chega o Verão e temos a história narrada pelo ponto de vista de Lois Lane, a repórter do Planeta Diário. Enquanto Clark cresceu e foi trabalhar com essa mulher, somos apresentados ao pensamento de Lois sobre a ascensão do herói no mundo, ela está curiosa e maravilhada com um ser que pode voar e acabar com qualquer pessoa, mas decidiu usar tudo isso para o bem.

Assim como o cair das folhas e um tempo mais nublado, o Outono apresenta Lex Luthor e seu olhar sobre o herói. Superman chegou em Smallville roubou toda a atenção que o mundo tinha em Lex e seus projetos, nisso cresce seu medo, sua raiva e também admiração. Usando toda sua inteligência, Lex elabora um plano para que o grande herói perca a admiração das pessoas e seja negado pela sociedade.

Durante o frio do inverno acompanhamos a namorada de adolescência do Clark: Lana Lang. Os dois romperam depois que Clark revelou seus poderes para ela e assim acompanhamos uma mulher que sonhava em se casar e ter filhos com Clark crescer numa cidade pequena e perceber que Clark tem um destino como Homem de Aço e ela não é a pessoa para acompanhar esse propósito.

Carregada de sentimentos, a narrativa se concentra em trazer o significado da esperança que o Superman representa e o início da sua carreira. Ao utilizar as vidas de pessoas que convivem e admiram o Superman e o olhar do seu inimigo, Joeph Loeb trouxe delicadeza para contar a história do herói aos olhos daqueles que o conhecem como Superman e Clark Kent.

O roteiro é genial e cheio de sensibilidade. Enquanto outras histórias focam no poder de Superman contra monstros e seus inimigos, As Quatro Estações foca no menino se transformando em homem e o homem em herói que aceita seu destino.



Vanessa de Oliveira
Instagram: @nessagsr

16 comentários:

  1. Oi, Vanessa como vai? Que resenha bem feita, parabéns! Eu particularmente gosto bastante das estórias do Superman, embora ele não seja o meu herói predileto. Presumo uma estória muito cativante e bem elaborada desta obra. Abraço!


    https://lucianootacianopensamentosolto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Olá, Vanessa.
    Você já me ganhou lá na parte sobre ser a inspiração para Smallville que até hoje é uma série que tenho muito carinho. Na época comprei os DVDs porque queria ficar assistindo os mesmos episódios o dia todo hehe.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  3. Oi Nessa, tudo bem?
    Achei legal que a obra foque mais na humanidade do Superman, mas como tenho pouquíssimo interesse no personagem, não sei se leria. :(
    Beijos,

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  4. Eu nunca fui de gostar de histórias de heróis/ficção por sentir falta desse lado mais humano e de problemas mais reais (apesar de que possa sim existir uma relação com a realidade). Mas gostei da obra justamente por trazer esse lado mais sensível, parece ser muito interessante principalmente por fazer esse jogo com as estações de ano!
    Beijoss, Blog Seja Agridoce ♥️♥️♥️

    ResponderExcluir
  5. Amei a resenha. Geralmente não leio histórias de super herói, mas super leria esse lado humano e de crescimento do Clark.
    beijos
    https://www.dearlytay.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Eu tô fazendo uma lista de quadrinhos para comprar, eu amo esse universo de super herói e o Superman é um dos meus preferidos.

    Beijinhos
    Renata

    ResponderExcluir
  7. Deve ser muito legal ver essa trajetória dele até chegar à quem ele é. Fiquei doida para conhecer o livro! <3

    https://www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  8. Oi, Vanessa!
    Nunca fui muito fã de super-heróis, mas gosto muito de ler as resenhas dos livros e HQs que envolvem esse universo!
    Achei bacana isso das estações e gostei dos quadrinhos que você selecionou :D

    Estante Bibliográfica

    ResponderExcluir
  9. Gente, que maneiro. Eu não sabia que Smallville era baseado nesse quadrinho em especial. Que legal! Amei conhecer mais um pouco da história do Homem de Aço. ^^
    Bjks!

    Mundinho da Hanna
    Pinterest | Instagram | Skoob

    ResponderExcluir
  10. Eu não sou muito de ler em quadrinhos, mas depois dessa resenha, como não querer? Amei a forma como você escreveu e eu adoro olhar humano das pessoas e desses heróis, que marcaram de alguma forma a nossa infância. ♥ E acredita que eu vi apenas alguns episódios dessa série? Mas lembro muito quando passava na Warner e deu para perceber algumas semelhanças! :)

    Beijos, Carol
    www.pequenajornalista.com

    ResponderExcluir
  11. Eu acho que ainda não li nada do superman - mais do batman, sim

    mas achei interessante como essa parece bonito e que interessante como se tem umoutro olhar aqui
    gostei da sensibilidade♥
    Beijocas da Pâm
    Blog Interrupted Dreamer

    ResponderExcluir
  12. Oiee amei sua resenha... Gosto bastante também ..
    Seu blog já esta em meus favoritos...
    Se puder me ajudar seguindo o meu...
    Beijinhos

    Cátila Santos

    ResponderExcluir
  13. Achei esse HQ bem poético. Acho que o que torna o Superman tão amado é justamente a sua essência humana, mesmo que ele nem seja um ser humano.
    Gostei de saber que a obra foi base para a série, Smallville fez mesmo parte da minha infância/adolescência, haha.
    Beijo, Blog Apenas Leite e Pimenta ♥

    ResponderExcluir
  14. Oi
    que bom que adorou esse HQ, parece mostrar a história um lado sensível, confesso que o que conheço do superman é pelas séries e filmes, nunca li uma história dele, pois não costumo ler HQ, mas pelo que falou essa parece ser uma ótima história.

    http://momentocrivelli.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  15. Oie!
    Eu não tenho o costume de ler HQs, mas por ser de um personagem que já conheço, isso me anima mais a conferir a obra (apesar de gostar mais do Batman, rs).
    beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com/

    ResponderExcluir