31/07/2018

 

A representatividade na voz de Michael Kiwanuka


Você já se deixou levar pela sensibilidade da música? É doloroso, no melhor sentido possível. Você quer demonstrar o quanto aquele ritmo e instrumentais são bons e tudo fica melhor quando a letra descreve um sentimento particular. 

É identificação, o mundo precisa saber ouvir e entender. Eu ouço Michael Kiwanuka enquanto inicio esse texto, gostaria de falar da preciosidade que esse artista é. Quem gosta dos gêneros soul e folk provavelmente vai estar mais aberto a esta sugestão, ou até já conhece.

Michael Kiwanuka é um cantor e compositor inglês de 31 anos, viveu no subúrbio de Muswell Hill e quase sempre foi o único menino negro da vizinhança, isso explica a solidão expressada nas canções. Hoje, com três álbuns lançados, é comparado a artistas como Marvin Gaye.

Love & Hate 

Na música Black Man In A White World é possível notar representatividade, sinto como se ele tivesse olhado o meu dia a dia e começado a escrever sobre. Ele, assim como eu, é negro, nosso convívio e contato com o mundo é branco, somos poucos representados e sozinhos em nossas lutas. 

“I've been low and I've been high, I've been told all my life, I've got nothing you to pay and I've got nothing left to say”

O álbum é repleto de sensibilidade, não só em uma música, mas podemos dar bastante destaque a faixa Love & Hate. Ela fala sobre tolerância e aceitação, tem um trecho que deixa esse pensamento claro: “Amor e ódio, quanto mais nós vamos tolerar? Você não consegue ver além dos meus erros? Às vezes eu tenho esse sentimento, me faz hesitar” e o próximo parágrafo finaliza com: “Você não pode roubar o que Deus tem me dado. Dor, vergonha e miséria, nunca mais”. 

Cold Little Heart é, para mim, uma melodia de identificação dos dias mais difíceis. Fala de como queremos algo que nunca conseguimos, de como é tentar e continuar na mesma, mas mesmo assim acreditar. Entenda que não são músicas para deixar triste, apesar de inevitável, mas são desabafos. É a minha voz, nossa voz. Uma representação que merece destaque, a gente consegue sentir toda arte que é feita com o coração e mesmo que você seja a felicidade em pessoa, vai conseguir ouvir a mensagem passada através da voz, instrumento e back vocal de Michael Kiwanuka.


Conheça mais sobre o cantor no YouTube.

Bruna Domingos
Instagram: @startriot

3 comentários:

  1. Eu ainda não conhecia o artista, mas tô apaixonada pela forma que tu falou sobre ele. Tô ouvindo a música enquanto escrevo esse comentário e tenho muito a impressão de já ter ouvido em algum lugar, talvez tenha sido trilha de alguma série/filme? Enfim, curti muito mesmo a letra e a mensagem que ele quer passar, representatividade é extremamente importante e eu fico muito feliz de ver que a nossa cor tá sendo cada vez mais representada por aí!
    Um beijão,
    Gabs | likegabs.blogspot.com ❥

    ResponderExcluir
  2. Olá, Bruna.
    Quando o assunto é musica sou totalmente por fora. Não ouço quase nada e não conheço muitos artistas. Gostei dele e que bom que você se sentiu representada. Acredito que toda musica tinha que ter esse tipo de mensagem e não ser só por ser.

    Prefácio

    ResponderExcluir
  3. Oi, Bru!
    Menina do céu, tu me lembrou que eu tenho de ouvir o álbum todo desse cara. Só sei que amo Cold Heart <3
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir